Browse By

Como melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn

Os grupos do LinkedIn são uma ótima forma de construir credibilidade e de fazer novas conexões que podem finalmente ajudar a crescer o seu negócio. Com mais de 2,1 milhões de Grupos no LinkedIn, pode ser difícil encontrar grupos relevantes e determinar quais podem ser os mais adequados à nossa área, sector e profissão. Mas não se preocupe. Neste artigo, vou-lhe dar algumas dicas de como encontrar grupos que o ajudem a melhorar a sua rede de contactos.

Antes de mais, a quantos grupos se deve juntar?

O LinkedIn permite-nos aderir a até 50 grupos. Contudo, é difícil ganhar tração em 50 grupos, assim como encontrar tempo para participar em todos eles.

Dica: Consulte o diretório de grupos do LinkedIn – de certeza que irá encontrar inúmeros grupos do seu interesse.

Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Directório de Grupos do LinkedIn A minha sugestão é que de facto adira a 50 grupos, mas selecione apenas 5-10 nos quais irá de facto investir o seu tempo, no sentido de obter o máximo de benefícios da sua participação.

4 dicas para melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn

1 – Use o motor de pesquisa do LinkedIn para encontrar grupos relevantes

A pesquisa no LinkedIn tem sido substancialmente melhorada nos últimos tempos – incluindo a capacidade de procurarmos grupos relevantes (com base na nossa rede de contactos) e de procurarmos tópicos de debate dentro de grupos abertos. Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Encontrar grupos relevantes no LinkedIn Comece por pesquisar Grupos utilizando palavras-chave baseadas na sua localização geográfica, indústria, perspetivas, educação, organizações ou interesses. Tente pesquisar Grupos do LinkedIn que descrevam de facto algumas das suas afinidades. Por exemplo, pesquise pelo nome da Universidade que frequentou para encontrar grupos de antigos alunos.

Dica: Tire proveito das pesquisas booleanas do LinkedIn para obter os melhores resultados.

Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Pesquisas Booleanas no LinkedIn Para encontrar um Grupo no LinkedIn da minha localização geográfica e setor, procurei por Grupos dos LinkedIn recorrendo ao operador “AND” e às palavras-chave de “social media” e “Portugal”. O LinkedIn apresentou-me 8 resultados para Grupos de Portugal e relacionados com os social media!

Dica: Em cada resultado de pesquisa dado pelo LinkedIn, tem ainda a opção de ver que membros da sua rede que pertencem a esse grupo, assim como grupos similares.

Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Grupos Similares Pode ainda falar com os seus contactos e perguntar-lhes o que pensam desse grupo – isto dá-lhe uma razão sólida para alcançar e conectar-se com a sua rede

2 – Reveja as sugestões do LinkedIn dos “Grupos que podem ser do seu interesse”

A forma mais fácil de navegar pela opção dos “Grupos que podem ser do seu interesse” é através do menu de navegação selecionar a opção “Interesses” e depois “Grupos”. Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Menu Grupos no LinkedIn Navegue pela listagem de grupos a que pertence e no final irá encontrar a opção “Grupos que podem ser do seu interesse”, como é mostrado da imagem em baixo. Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Grupos que podem ser do seu interesse

3 – Avaliar a qualidade dos Grupos do LinkedIn

Mas como é que sabemos quais os Grupos do LinkedIn que sejam do nosso interesse – mas que ao mesmo tempo sejam de boa qualidade e bem geridos? Em alguns casos, pode aderir ao Grupo, passar lá algum tempo e determinar por si só se vale a pena investir o seu tempo nesse Grupo. No entanto, deixo aqui algumas dicas para avaliar a qualidade do Grupo:

  • Quem é o gestor do grupo – e este interage e está visível (ou não) no grupo?
  • Quais são as regras do grupo?

Dica: Se as regras do grupos não existem ou não estão bem escritas, é provável que esse Grupo não esteja a ser bem gerido.

  • A maioria dos debates têm questões e diálogo?
  • Existem muitos links promocionais ou atualizações “auto-promocionais”?
  • Os principais influenciadores do Grupo são credíveis?
  • O Gestor do Grupo está entre os principais influenciadores?

Dica: Num grupo bem gerido, o mais provável é ver o gestor aparecer ao longo dos diversos debates, assim como um forte conjunto de regras.

Tenha ainda em conta que o número de membros e o grau de atividade no grupo nem sempre estão relacionados com a qualidade do mesmo. Avalie ainda as estatísticas do Grupo do LinkedIn em que está interessado em aderir. Aqui, poderá aprender mais sobre a demografia, setor, entre outros dados dos membros e do grupo em si. Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Estatísticas dos Grupos do LinkedIn Para isso, dentro do Grupo selecione o “i” e, posteriormente, a opção “Estatísticas de Grupo”, como é mostrado na imagem em baixo. Melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn | Informações sobre os membros dos Grupos do LinkedIn

4 – Adira às melhores práticas dos Grupos do LinkedIn

Para que os Grupos do LinkedIn sirvam de autênticos fóruns de debate, todos temos de fazer a nossa parte para manter a integridade dos grupos a que pertencemos. Isto irá tornar a experiência dos Grupos do LinkedIn melhor para todos. O LinkedIn já está a fazer a sua parte, ao ajudar os gestores de Grupo a combater as mensagens promocionais. Se está a pensar adicionar uma publicação num Grupo quem contenha as palavras mim, meu ou eu, não conte que a mesma irá aparecer. O mais provável é que esta aparece no menu Promoção, onde é muito improvável que alguém a vá ler. Para construir com sucesso a sua influência nos Grupos do LinkedIn, o melhor é participar de forma autêntica nas discussões dos Grupos e contribuir com as suas perceções. Deixo aqui algumas das melhores práticas para se lembrar assim que encontrar os melhores Grupos para participar:

  • Não promova os seus produtos/serviços;
  • Não publique automaticamente os artigos do seu blogue nos Grupos. Em vez disso, ofereça links de fontes de informação fidedigna no contexto da respetiva discussão – o que poderá incluir os seus artigos, se de facto servirem esse propósito;
  • Faça perguntas e dê respostas atenciosas;
  • Contribua nos debates já existentes e com novas discussões de forma consistente;
  • Partilhe conteúdo significativo, útil, interessante e respeitável;
  • Envie convites para se conectar com os membros do grupo, apenas depois de participar há já algum tempo no grupo – o melhor momento para nos conectarmos com um membro é quando interagimos com este num debate.

O que é que acha? Tem investido o seu tempo nos Grupos do LinkedIn? Como é que encontra os grupos certos para aderir? Deixe os seus comentários em baixo.

Como melhorar a rede de contactos com os Grupos do LinkedIn

por Helena Dias tempo: 4 min
1