COMO-CRIAR-UM-PLANO-DE-MARKETING-PARA-O-LINKEDIN

Este artigo foi publicado originalmente no blog da Oakreative.

Já tem ouvido o termo Plano de Marketing diversas vezes, mas infelizmente muitas empresas ainda não sabem o que significa ter um.

Uma empresa não pode efetivamente crescer até que venda alguma coisa – e é isso que significa marketing.

De facto, o marketing é uma das áreas mais importantes em que deve concentrar a sua atenção – especialmente se quiser criar um negócio de sucesso.

Marketing equivale a dinheiro – quando é bem feito – e, a maioria das empresas, não tem colocado atenção suficiente no seu processo de planeamento de marketing ou do marketing em geral.

Agora, existem formas diferentes em que pode promover e vender os seus produtos:

  • Rádio
  • TV
  • Billboards
  • Publicidade em jornais
  • Correio

Apesar disso, na minha opinião, uma das formas mais poderosas de vender os seus produtos num mundo atual do digital e social é através do LinkedIn.

Passos para criar um Plano de Marketing para o LinkedIn

E acredito que, independentemente da sua indústria, localização ou dimensão da empresa, todos estamos no negócio do marketing. E quando a fazer marketing para a nossa empresa, o nosso único objetivo é fazer a nossa mensagem chegar aos decisores.

Com mais de 330 milhões de utilizadores em mais 40 países, dos quais, 49% são decisores, nunca houve uma melhor altura para começar a usar o LinkedIn para nos conectarmos e construirmos o funil de vendas.

Mas como em todas as estratégias de marketing, antes de começar a utilizar o LinkedIn como uma ferramenta de marketing, tem de criar um plano muito conciso e claro daquilo que pretende alcançar.

Na minha experiência, não ter resultados claros e práticos é a principal razão pela qual 90% das empresas não conseguem utilizar eficazmente o LinkedIn para aumentar as suas vendas.

Comece por responder às seguintes questões:

  1. O que pretendo alcançar com o LinkedIn? (Gerar novas Leads, expandir internacionalmente, etc)
  2. Quais são os meus objetivos de marketing para os próximos 3-6 meses?

Com isto em mente, o seu próximo passo é olhar para o tipo de pessoas com quem se quer conectar, para que consiga alcançar esses objetivos.

Pense nos factores em baixo quando estiver a identificar o seu público-alvo:

  • Indústria (É Banca, Publicidade, IT, Retalho?)
  • Profissão (Consultor, Contabilista, Advogado?)
  • Função da Organização (Gestor, Diretor, Parceiro?)
  • Dimensão da Empresa (1-10, 11 a 50, 51 a 200?)
  • Localização (Aveiro, Porto, Lisboa, Coimbra?)

Agora que sabe os resultados que pretende alcançar e o público-alvo com o qual se tem de conectar para atingir os seus objetivos de marketing, está na hora de ir ao LinkedIn e começar a pesquisar esses decisores para poder construir o seu funil de vendas e começar a criar campanhas para os mesmos.

Conclusão

Lembre-se: sem uma estratégia de marketing eficaz, os potenciais clientes nunca ficarão conscientes do produto e serviço que a sua empresa está a oferecer e, sem clientes, pode muito em breve desaparecer.

O sucesso financeiro depende, muitas vezes, das competências de marketing. Os departamentos operacionais, de contabilidade e as restantes funções existentes na sua empresa não vão importar se não houver procura suficiente pelos seus produtos e serviços e o respetivo lucro.

Se tiver alguma questão ou opinião sobre o artigo, deixe o seu comentário em baixo.

Crédito da Imagem: Ben Scholzen